Cai a noite no Chiado.

Olá a todos!!!











Quando comprei esta camisola sinceramente não criei grandes expectativas sobre a cor, associei a minha palidez à palidez da camisola, resumindo, era tudo demasiado morto e sem sal, mas...estava errada, assim que a vesti, apaixonei-me por ela! Confesso que o meu micro bronze ajudou imenso e o baton vermelho também deu um empurrãozinho.
Quanto às calças a coisa aconteceu de forma bem diferente, há muito tempo que procurava umas calças bem subidas e justas e noutro dia (há cerca de um mês) entrei na H&M e deparei-me com elas e descobri o que é o amor à primeira vista, olhei para elas e elas para mim e tive de as trazer comigo para sermos eternamente felizes uma com a outra. 
E foi este o outfit pelo qual optei para ir até ao Largo de São Carlos, uma vez que o “festival ao largo” está de volta, desta vez sob o mote “O mundo no Chiado”. Há duas questões que se podem colocar de imediato. Se foi giro? Se tinha uma boa organização? Ora bem! Quanto à organização a coisa não poderia correr de melhor maneira, todavia respondendo à questão “foi giro?”, foi, mas não para mim, a noite de ontem era totalmente Oriental e descobri então que ritmos e danças orientais não são de todo o meu forte. Todavia aconselho-vos a ir.

E como ir a Roma e não ver o Papa é igual a ir ao Chiado e não passar pelo Santini, não quis cometer tal sacrilégio, por isso deliciei-me com os dois sabores do Santini que mais me enchem as medidas: Avelã e Meloa (olhinhos brilhantes). 


 




Aproveito para informar que os giveaway estão quase quase no fim! Mas que ainda podem (e devem) participar.

Colar C’est Chic- aqui.
Pulseira Bijut- aqui.

E noutro dia tive uma ideia e muita muita vontade de a executar, por isso preparem-se porque vem aí o momento semanal “A girl's just as hot as the shoes she choose”, inspirada nos sapatinhos das nossas bloggers! O que acham?!

Um beijinho, Marta. 

Share:

46 comentários